Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Deputado do PSL infiltrado gravou fala sobre implosão de Bolsonaro
13:19   18 de Outubro, 2019
7d30255d7628dd957ca6d3e639e7d113.jpg

O deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) admitiu ter gravado a reunião da bancada do PSL em que o líder do partido, Delegado Waldir (GO), afirma que vai "implodir" o presidente Jair Bolsonaro. O caso foi revelado pela Record TV e pelo R7 na tarde desta quinta-feira (17).

De acordo com o parlamentar, a aproximação com o grupo do presidente do PSL, Luciano Bivar, do qual Delegado Waldir faz parte, "foi estratégia para infiltração e coleta de informações para blindar o presidente Bolsonaro". O governo travou nos últimos dias um embate com o presidente do PSL sobre o comando e o futuro do partido.

Silveira conta que a ideia adotada foi assinar a primeira lista que mantinha a liderança do partido na Câmara com o Delegado Waldir. Isso foi feito "com conhecimento do grupo bolsonarista, para que tivessem a ilusão de ter maioria".

Em seguida, três deputados assinaram também a lista que apoiava o deputado Eduardo Bolsonaro, o candidato do presidente para liderar o partido na Câmara. 

Dessa forma, Silveira esteve presente na reunião com o grupo ligado a Bivar no gabinete do Delegado Waldir, na noite de quarta-feira (16). Foi quando o delegado disse que tinha a intenção de implodir o governo com uma gravação.

Na reunião, deputados relataram que estavam sendo pressionados por Bolsonaro a assinar a lista para destituir Waldir e apoiar o nome de Eduardo Bolsonaro como líder da bancada. O líder do partido era um dos mais exaltados.

"Eu vou implodir o presidente. Aí eu mostro a gravação dele. Não tem conversa. Eu implodo ele. Eu sou o cara mais fiel. Acabou, cara. Eu sou o cara mais fiel a esse vagabundo. Eu andei no sol em 246 cidades para defender o nome desse vagabundo", afirma Waldir. 

Apesar de ter conseguido o áudio que mostra o pensamento de Waldir em relação ao presidente, o deputado Daniel Silveira não obteve sucesso no projeto de fazer Eduardo Bolsonaro o líder do partido. Nesta quinta, Delegado Waldir foi mantido no cargo. 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte