Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Vereador Dida Pires aconselha presidente a devolver os pneus
Dida Pires disse que seria melhor o presidente devolver os pneus para a prefeitura
12:57   13 de Novembro, 2019
c9eacd4e98a5e33e8480b390bb7fbc1a.jpg

José Vieira do Nascimento
Editor Mato Grosso do Norte

O vereador Dida Pires (Cidadania) durante sessão desta terça-feira, 12, sugeriu ao presidente da Câmara Municipal, Emerson Machado (MDB) que devolva para a prefeitura os pneus e demais itens que foram colocados em seu caminhão, fato que chegou ao conhecimento público através de vídeos que feitos por dois funcionários da secretarias de Obras. 
Emerson justificou que o caminhão foi cedido para a prefeitura gratuitamente e usado para molhar ruas no período de estiagem.  Os pneus foram gastos porque o caminhão, segundo o vereador e secretários da prefeitura, foi usado para transportar um trator D-6 que o município ganhou do Ibama, apreendido na região de Colniza.
Dida afirmou que o fato prejudicou a imagem da Câmara Municipal. “Esperoque esteja tudo legalizado. No seu lugar eu mandaria tirar os pneus, que ainda não foram usados e devolveria para a prefeitura. Prejuízo pouco é lucro”, observou Dida Pires.
Segundo o vereador, o presidente da Câmara ao atender aos apelos do prefeito para ceder o caminhão para a prefeitura molhar as ruas, acabou entrando “numa fria”. “O senhor entrou numa gelada e deveria devolver os pneus e tirar o caminhão da secretaria. Está pagando um preço muito alto. Nas ruas tem gente nos perguntando se não vamos afastar o presidente por causa do problema dos pneus”, frisou.

Outro lado - O vereador Emerson Machado reiterou que está sendo alvo de inveja de pessoas que não fazem nada e estão tentando lhe denegrir, porque seu nome está aparecendo bem nas pesquisas entre os pré-candidatos a prefeitos.

O presidente da Câmara disse que o caminhão vai permanecer com a prefeitura até no final do ano. 
“A prefeitura colocou pneus para o caminhão continuar trabalhando. E o caminhão vai continuar. Os abutres podem fazer o que quiserem, mas Deus vai continuar me abençoando porque tenho a consciência limpa. Não pedi pneus e não quero pneus novos, mas também não quero um caminhão esbagaçado e sem pneus”, enfatizou. 
Emerson afirmou que recebeu um telefonema de Brasília, da presidência da República, lhe comunicando que vão ser liberados mais de R$ 5 milhões para Alta Floresta e que o projeto da obra pode ser feito que o recurso está assegurado.
“Vou continuar trabalhando e essas pessoas que fazem muitas maldades, uma hora a maldade pega nelas”, completou.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte