Jornal MT Norte
Publicidade
Júlio Santos promete investir na melhoria dos campi do IFMT
Queremos colocar nossa instituição no desenvolvimento de ações e projetos que construam uma sociedade mais justa e igualitária
10:14   25 de Novembro, 2020
365dc5ca21ebced865eb47554343112c.jpg

Assessoria

Candidato à reitoria do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), Júlio Santos, o professor de história e atual diretor do campus Alta Floresta defendeu a estruturação física dos campi e o fortalecimento da pesquisa e extensão na instituição.
Para o candidato, o IFMT tem um papel social importante e contribui com o crescimento de Mato Grosso. Júlio Santos disse que os 19 campi em Mato Grosso têm realidades diferentes e que irá trabalhar para que todos tenham uma estrutura mínima comum, como quadra de esportes coberta, laboratórios e refeitório para os alunos.
Outra forma de fortalecimentos dos campi será por meio da lotação demais servidores, especialmente nas unidades do interior. Para isso, o candidato disse que irá fazer articulação junto a bancada federal de parlamentares e Ministério da Educação pela efetivação da portaria 246 que trata do quantitativo de servidores. Enquanto essa frente de trabalho não tiver solucionada, ele irá implantar estratégias internas para equalização da capacidade de trabalho nos campi.
 A assistência estudantil foi um assunto muito debatido entre os candidatos. Júlio quer ampliar a ações para a permanência dos estudantes no IFMT. Entre as ações para esse eixo está a universalização da alimentação para todos os alunos do ensino médio. Para isso, irá construir refeitórios nos campi onde ainda não existe essa estrutura e acessar recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Também será feito um projeto de inclusão pedagógica e apoio psicossocial. 

A eleição para a escolha da reitoria do IFMT acontece no dia quatro de dezembro e irá escolher o novo comandante da instituição para os próximos quatro anos.  

Plano de gestão humanista- Um dos destaques do plano de gestão de Júlio Santos são a criação e fortalecimento de projetos de extensão que visam apoiar e ajudar comunidades tradicionais, mulheres em vulnerabilidade, combate ao racismo e à homofobia.
Valorização dos servidores- O plano de gestão de Júlio propõe a criação de um programa de qualidade de vida para os servidores e a criação da coordenação de gestão de pessoas. Com cerca de dois mil servidores, o candidato quer uma dar uma atenção especial para a saúde do trabalhador, fazer a revisão da carga horária dos professores que é considerada alta e a implantação do teletrabalho ou semipresencial para setores dos técnico-administrativos.


 

Compartilhe nas redes sociais

COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte