Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Com foco certo
Em “Malhação”, Bárbara França vibra com primeiro papel fixo na tevê
12:12   02 de Dezembro, 2016 - Fonte: Carta Z

por Caroline Borges

TV Press

      Bárbara França é uma profissional planejada. Natural de São Lourenço, em Minas Gerais, a atriz sempre teve suas metas profissionais bem delineadas. Integrar o elenco de “Malhação”, por exemplo, era um de seus principais objetivos desde o início da carreira. No entanto, o caminho para interpretar a vilã Bárbara da atual temporada foi complexo e repleto de “nãos”. Antes de fazer parte do elenco fixo, a atriz tentou por cinco vezes uma vaga na novela “teen”. Inclusive, na temporada de 2012, chegou fazer os “workshops” finais para interpretar a espevitada Fatinha. Porém, o papel acabou ficando com Juliana Paiva. “Foram vários testes até chegar ao papel da Bárbara. É normal a gente desanimar. Afinal, ouvi mais não do que sim. Mas sempre fui muito persistente e tinha muito claro que era isso que eu queria para a minha vida”, explica ela, que acompanhava o folhetim infantojuvenil durante a adolescência. “Cresci assistindo. A tevê sempre fez parte do meu cotidiano. É muito bom fazer parte de algo que acompanhei por tanto tempo”, completa.

      Na trama escrita por Emanuel Jacobina, Bárbara é a principal rival de Joana, interpretada por Aline Dias. Além de disputarem o amor do jogador de vôlei Gabriel, de Felipe Roque, as duas também precisam lidar com o surpreendente fato de que são irmãs por parte pai. “As coisas mais importantes na vida da Bárbara são o namorado e a família. Ela faz de tudo para tirar a Joana do caminho dela. Na verdade, Bárbara é uma personagem muito carente e mimada. Está sempre tentando agradar ao pai em busca de atenção”, aponta.

      “Malhação” é o primeiro trabalho fixo de Bárbara na televisão. Antes, ela havia feito rápidas participações em produções como “Os Dez Mandamentos”, da Record, e a série “Animal”, do GNT. Mesmo com pouca experiência no vídeo, a atriz não demorou a se adequar ao ritmo veloz das gravações. “Mesmo sem uma personagem grande antes, minha relação com a câmera sempre foi tranquila. Fiz muito comercial de tevê e isso ajudou. Me preparei a vida toda para isso. Mas tenho muitas coisas para aprender no dia a dia de estúdio”, aponta. Antes do início das gravações da temporada, Bárbara participou de “workshops” para intensificar as relações familiares e sociais entre os personagens. Além disso, também se baseou em filmes e séries e se inspirou em vilãs icônicas, como a Carminha, vivida por Adriana Esteves em “Avenida Brasil”. “Estou tentando resgatar um pouco de todas as vilãs. Mas a minha maior preocupação foi construir os laços familiares da personagem. Intensificar essa relação entre pai, filha e irmãs”, lembra.

      Trabalhar com atuação sempre foi o foco principal de Bárbara. Aos 13 anos, ela iniciou sua carreira na tevê no especial de fim de ano ''Os Amadores'', da Globo. No entanto, o caminho da publicidade se abriu mais rapidamente. A atriz participou de uma série de campanhas publicitárias como forma de ganhar dinheiro de forma ágil. Porém, ela sempre manteve a atuação em movimento também. Em 2007, participou de um episódio do “Linha Direta” e, em 2009, integrou o elenco do humorístico “Turma do Didi”. “Sempre quis ganhar meu próprio dinheiro. Aos 18 anos, comprei meu carro sozinha. Sempre foi tranquilo conciliar as duas carreiras. Era bom ser atriz porque tinha uma vantagem nos testes de comercial”, ressalta.

 

Bloquinho e caneta na mão

      Diferentemente de muitos colegas de profissão, Bárbara França não optou por cursar alguma faculdade relacionada ao universo da interpretação. Ao tomar a complicada escolha do vestibular, a atriz decidiu se inscrever na faculdade de Jornalismo. “O jornalismo esportivo sempre chamou minha atenção. Queria cursar algo que não tivesse a ver com o meu lado atriz. Queria um plano B”, afirma.

 

      A atriz passou a cursar Jornalismo na Facha - Faculdades Integradas Hélio Alonso, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Porém, recentemente, precisou trancar o curso por conta dos trabalhos como atriz e modelo. “Por muito tempo, consegui conciliar. Mas teve uma hora em que apertou”, lembra.

 

     

Instantâneas

# Bárbara gravou suas primeiras sequências em “Malhação” em Fortaleza. “Foi ótimo. O elenco pôde se aproximar e criar intimidade. Quando terminava o expediente, íamos para a praia”, conta.

# Mesmo na pele da vilã da trama, a atriz tem percebido uma repercussão positiva do público. “Foi uma surpresa. Recebo muitas mensagens de elogio ao meu trabalho”, comemora.

# Bárbara nasceu em São Lourenço, em Minas Gerais, mas foi criada no Rio de Janeiro.

# Em 2014, Bárbara participou do filme “#Garotas”, de Alex Medeiros.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte