Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Amar sem limites
21:36   13 de Dezembro, 2016

Natalício Serpa Pinto

É certo reconhecermos que a paz realmente é o altar de Deus; porque se estivermos vibrando paz, a conexão com o Altíssimo acontece. Reconhecemos também, que todo aquele que se encontra reconciliado com tudo e com todos, encontra-se nos braços da paz
Contudo.é forçoso admitir-se que a paz entre os homens, a paz entre as nações, ainda está distante. Isso porque ainda agredimos muito, e existem muitas contendas, o que impede que haja harmonia, e consequentemente a paz não se manifesta.

Mas está ao nosso alcance elaborar a paz mental; conseguida através de contínuos esforços no dia a-dia. Temos de reconhecer que o Evangelho de Jesus tem o poder transcendental de transformar nossa pessoa, e que a reforma íntima é algo alcançável. O Divino Mestre nos aconselhou: “Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração...”. Fica claro que só através da bondade, essa filha dileta da Virtude Mãe chamada de Humildade, conseguimos ter um relacionamento com os nossos semelhantes. Evitando a raiva extinguimos o ressentimento e o rancor; livre desses vilões terríveis, nosso ser se apazigua. Falei “apazigua”?

Então já estou admitindo a gloriosa paz se instalando em nossas almas. Resta agora, muita vigilância e oração, para não cairmos em outras tentações. Valiosos recursos podemos obter,quando estamos cuidando de nós mesmos com atenção e carinho. Assim sendo é bom a gente perceber sempre que o manancial da Paz encontra-se no Reino de Deus; que não é deste mundo, mas se encontra bem aí no nosso interior. É por isso que já aprendemos com o Divino Mestre:”Buscai me primeiro lugar o Reino de Deus e o restante ser-nos-á dado em acréscimo”.

 Fortalecemo-nos quando nos conscientizamos dessa irrefutável verdade que nos garante que somos filhos maravilhosos de Deus; capazes de construir o bem e expressar amor. Que se encontra em nosso interior o poder de filhos de Deus, e que podemos realizar coisas também maravilhosas. Podemos abençoar, curar e amar sem limites.
Paz Profunda !


Natalício Serpa Pinto é professor e servidor público do município

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte