Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
FCF determina fim das pausas para homenagem à Chapecoense
Depois de paradas para homenagem às 71 pessoas mortas na tragédia da Colômbia, árbitros não farão mais pausas em jogos da equipe verde e branca
12:12   03 de Fevereiro, 2017 - Fonte: G1

Homenagens e mais homenagens. A Chapecoense já está habituada a receber carinho por onde quer que passe. Nas duas primeiras rodadas do Campeonato Catarinense os árbitros dos jogos da Chape interromperam as partidas aos 26 minutos do segundo tempo, o que a 71 minutos corridos para homenagear as 71 pessoas mortas no acidente com o avião da LaMia, em novembro do ano passado. Mas o tributo com bola parada chegou ao fim.

Na estreia no Campeonato Catarinense a Chape vencia o Inter de Lages pelo placar de 2 a 0 quando, inesperadamente, o árbitro Sandro Meira Ricci paralisou o jogo aos 26 do segundo tempo para a homenagem ao clube verde e branco. Nesta última quarta, no jogo entre Chapecoense e Atlético Tubarão, foi a vez do árbitro Leandro Messina Perrone repetir o gesto. Mas a parada no Sul do estado foi a última vez que o ato aconteceu, pelo menos no estadual. 

De acordo com o Presidente da Comissão de Arbitragem da Federação Catarinense de Futebol, Sandro Luis Mattos a partir da terceira rodada do Catarinão os jogos da Chapecoense não mais serão interrompidos por este motivo. A determinação interna da entidade valia apenas para as duas primeiras rodadas. Nenhum documento chegou a ser publicado a respeito da realização das homenagens, o combinado aconteceu apenas nos bastidores.

Após o jogo contra o Inter de Lages o técnico Vagner Mancini e o diretor executivo da Chapecoense se posicionaram contra a realização da pausa, já que uma parada de um minuto prejudica o andamento do jogo.

A Chapecoense entra em campo no próximo sábado contra o Almirante Barroso. O Verdão do Oeste terá pelo menos duas modificações em relação ao time que começou o jogo contra o Atlético Tubarão. Niltinho sofreu uma luxação no ombro esquerdo e não terá condições de jogo e Artur Moraes dará lugar a Elias, em um sistema de rodízio implementado pelo treinador da equipe.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte