Publicidade
         
      
         
Mais
10:01   10 de Abril, 2017

DEFENDE


O deputado Romoaldo Júnior, defende o pagamento do benefício e diz acreditar que as aposentadorias são legais, e que após análise, serão julgadas constitucionais pelo Supremo.  “Tem deputados de seis, sete mandatos que cumpriram a lei. Tem aí deputados com 70, 75 anos que não têm mais capacidade de trabalho e tem isso aí como única renda”, disse.
 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte