Publicidade
         
      
         
Mais
10:02   19 de Abril, 2017

R$ 15 MILHOES 


O empresário Filinto Muller, delator da Operação Sodoma, confirmou nesta terça-feira durante audiência a juíza Selma Arruda, que a empresa SF Assessoria e Eventos foi a responsável pela lavagem de dinheiro em benefício da suposta quadrilha formada pelo ex-governador Silval Barbosa e os ex-secretários de Estado, Pedro Nadaf e Marcel de Cursi. Segundo ele, a quadrilha recebeu R$ 15,8 milhões dos R$ 31,7 milhões que o Estado pagou pela desapropriação de uma área de 55 hectares, em Cuiabá, em 2014.  Segundo ele, R$ 10 milhões seriam para pagar uma dívida do Silval com  Valdir Piran. 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte