Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Avenida Mato Grosso ficará 90 dias interditada
Prefeitura inicia obra, substituindo ponte de madeira por tubos de concreto
11:05   17 de Maio, 2017

Reportagem
Mato Grosso do Norte

A prefeitura de Alta Floresta iniciou ontem a obra de substituição da ponte mista, de madeira e concreto na avenida Mato Grosso, que dá acesso à região da grande Cidade Alta. A ponte, que estava com a estrutura comprometida, dará lugar a três bueiros de concreto, que ficarão submergidos no asfalto.
O secretário de Obras, Elói Luiz de Almeida, explica que a obra será no mesmo moldes do que foi feito na avenida do Aeroporto, mas será maior. “Será com o sistema de aduelas, mas com três saída de água. Será um trabalho definitivo, com durabilidade de 50 anos”, disse.
A obra estava na programação da prefeitura, mas teve que ser adiantada, porque a estrutura da ponte estava oferecendo risco. Por isso, segundo Elói, o prefeito Asiel Bezerra determinou que fosse feito logo o serviço.
A obra será executada pela própria prefeitura com recursos próprios. O secretário acentua que se fosse contratado uma empreiteira, o valor gasto seria de R$ 600 mil. Com a prefeitura fazendo a obra, disse que o valor ficará em torno de R$ 180 mil, setenta por cento a menos do que se fosse executada por uma empreiteira.
“Estamos esticando os recursos. Se fosse fazer por empresas particulares, como fica caro, a obra não teria como ser feita neste momento que o município está em dificuldades financeiras”, enfatiza. 

A Avenida Mato Grosso permanecerá interditada por um período de 90 dias. O Secretário pede compreensão por parte dos moradores, mas frisa que a obra é para a segurança da população. “Vamos nos esforçar para fazer a obra dentro do cronograma ou mesmo adiantar. Fizemos esta previsão preliminar, que é o tempo para remover a madeira e o concreto da ponte antiga, construir as aduelas e fazer o asfalto e o meio fio”, explica.
Durante os meses que a avenida ficar interditada, a população terá três alternativas de acesso ao centro da cidade; Pela Perimetral Rogerio Silva, pela bairro Cidade Bela e pela avenida perimetral Teles Pires
O objetivo da administração é trocar todas as pontes de madeira no perímetro urbano, por tubos de concreto. Além da Avenida Mato Grosso, serão construídas as pontes no bairro Cidade Bela e Boa Nova 1 e 3. “Até no final do mandato do prefeito Asiel, vamos fazer a substituição de todas estas pontes”, assegurou.
O início da obra da ponte do Boa Nova 3, que deveria ser iniciada esta semana, teve que ser postergado devido ao caráter de urgência da ponte da Avenida Mato Grosso, que estava com a estrutura comprometida e oferecendo risco. Devido a isto, a obra foi priorizada pela administração municipal.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte