Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Caras novas: Tite chama Cássio e Luan para duelos contra Equador e Colômbia
Com chances para destaques do Brasileirão, comandante divulga lista para duelos nos dias 31 de agosto e 5 de setembro, pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018
23:41   10 de Agosto, 2017

Por Alexandre Lozetti e Edgard Maciel de Sá, Rio de Janeiro

 

Cássio e Luan foram as novidades da convocação de Tite para os jogos da seleção brasileira contra Equador e Colômbia, nos dias 31 de agosto e 5 de setembro, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Além do goleiro do Corinthians e do atacante do Grêmio, os demais são frequentes nas listas do técnico, que revelou os três aspectos considerados para sua escolha: passado na Seleção e nos clubes, o momento atual e a projeção para a Copa.

Cássio, que havia sido convocado uma vez por Mano Menezes e Dunga, recebe a primeira chance de Tite, seu técnico nos principais momentos da carreira, os títulos do Brasileirão, da Libertadores e mundial pelo Corinthians. Luan, por sua vez, só havia participado do amistoso contra a Colômbia, em janeiro, quando apenas jogadores do país foram chamados.

– O Cássio se credenciou a essa situação pelo desempenho e a regularidade dos últimos quatro ou cinco anos, de 2012 para cá. Houve um momento comigo de ser retirado da equipe (do Corinthians, quando perdeu a posição para Walter), mas houve uma retomada. O Luan fez uma grande Olimpíada, manteve regularidade de desempenho, exceto no início do Gaúcho, mas é o principal jogador de articulação da equipe que mais faz gols no Brasil – disse Tite.

Os dois se juntam ao lateral-direito Fagner, do Corinthians, e o zagueiro Rodrigo Caio, do São Paulo, no quarteto nacional da seleção brasileira. Os outros 19 jogadores atuam na Europa, número superior ao que era imaginado anteriormente pelo fato de as ligas do Velho Continente disputarem suas primeiras rodadas neste mês de agosto.A viagem do auxiliar Cleber Xavier e do preparador físico Fábio Mahseredjian para acompanhar a pré-temporada dos clubes de atletas brasileiros foi determinante para essa mudança.

 Eu havia criado essa expectativa (de mais jogadores do futebol brasileiro), mas houve essa recondução pelo retorno dos atletas bem – explicou o técnico, que deixou fora da lista nomes já chamados, como Diego Souza, do Sport, Lucas Lima, do Santos, e Diego, do Flamengo.

Depois dos jogos contra Equador e Colômbia, o Brasil ainda enfrentará a Bolívia, em La Paz, e o Chile, no estádio do Palmeiras, em São Paulo, no mês de outubro. Em novembro, há a expectativa de dois amistosos, mas o coordenador Edu Gaspar espera pela próxima rodada das eliminatórias europeias para anunciar os rivais. Um deles deve ser a Inglaterra, desde que assegure a classificação para a Copa do Mundo agora em setembro.

 

Confira a lista completa:

 

Goleiros: 
Alisson (Roma)
Cássio (Corinthians)
Ederson (Manchester City)

Zagueiros: 
Marquinhos (PSG)
Miranda (Inter de Milão)
Thiago Silva (PSG)
Rodrigo Caio (São Paulo)

Laterais: 
Daniel Alves (PSG)
Fagner (Corinthians)
Marcelo (Real Madrid)
Filipe Luis (Atlético de Madrid)

Meias: 
Casemiro (Real Madrid)
Fernandinho (Manchester City)
Paulinho (Guangzhou Evergrande)
Giuliano (Zenit)
Renato Augusto (Beijing Guoan)
Philippe Coutinho (Liverpool)
Willian (Chelsea)
Luan (Grêmio)

Atacantes: 
Neymar (PSG)
Gabriel Jesus (Manchester City)
Taison (Shakhtar)
Roberto Firmino (Liverpool)

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte