Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Chapecoense vence fora de casa, sai do Z-4 e deixa Palmeiras em crise com torcida
Depois de duas semanas em viagem, Chape aproveita chances, faz 2 a 0 e coloca São Paulo na zona da degola. Palmeirenses na arena protestam após apito final
01:54   21 de Agosto, 2017

Jogando na arena do Palmeiras, a Chapecoense fez 2 a 0 na noite deste domingo e saiu da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Após voltar de excursão pela Espanha e pelo Japão, o time catarinense interrompeu uma série de três jogos sem vencer na competição nacional. Esse é o jejum que agora enfrenta a equipe paulista, ainda na quarta posição da tabela, mas agora com adversários mais próximo.

O time catarinense anulou Thiago Santos, de onde saía o jogo palmeirense no primeiro tempo, e se fechou. No fim da etapa inicial, aproveitou cochilo feio da defesa rival para abrir o placar. No segundo, fechou-se, contou com bela atuação de Jandrei, que evitou gol de Deyverson, e novamente viu um descuido da marcação para anotar o segundo gol, já nos acréscimos.

Apesar de contar com uma formação bastante ofensiva e a presença de Moisés e Guerra lado a lado desde o início do jogo, algo inédito no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras não foi criativo. Pelo contrário. Só conseguiu levar perigo no jogo aéreo. Além disso, a defesa falhou feio duas vezes.

De acordo com o repórter Mauro Naves, da TV Globo, membros da diretoria alviverde se reuniram após a partida para discutir o futuro do comando técnico do clube. Um assessor da cúpula do Palmeiras, porém, negou esse encontro. Em entrevista coletiva, Cuca avisou que quer seguir trabalhando:

– Na sexta-feira, quando falei que vou até o fim, vou até o fim. Vou preparar o trabalho da semana e não tenho nada o que falar a mais – avisou Cuca.

Os jogadores da Chapecoense entraram em campo com uma faixa em homenagem às vítimas do atentado terrorista na capital da Catalunha, na Espanha. Na quinta-feira passada, uma van avançou contra pedestres na avenida Las Ramblas, matando 13 pessoas e ferindo mais de 100.

Aos 40 do segundo tempo, Keno caiu na área após disputa com Apodi, e o juiz Dyorgines Jose Padovani de Andrade mandou o jogo seguir – veja o lance e confira a opinião dos comentaristas do SporTV:Aos 42 da etapa final, Jandrei fez uma defesaça em cabeçada de Deyverson, garantindo a vantagem da Chapecoente, que ainda vencia por 1 a 0. Com essa defesa difícil (veja abaixo), que valei três pontos no Cartola, o goleiro terminou com 8.20. O melhor pontuador do time catarinense foi o zagueiro Fabrício Bruno, autor do primeiro gol, com 14.30.

Palmeiras e Chapecoense voltaram a se enfrentar na arena paulista menos de nove meses depois da última partida da delegação catarinense que foi vítima de um acidente aéreo em 29 de novembro do ano passado. Dois dias antes, o Verdão tinha vencido por 1 a 0 e confirmado o título brasileiro. Depois, em viagem para a Colômbia para a disputa da final da Copa Sul-Americana, a Chape perdeu quase toda sua equipe na queda do avião, que matou 71 pessoas – seis sobreviveram, entre eles os jogadores Neto, Alan Ruschel e Jackson Follmann.

PRÓXIMOS JOGOS

Pela 22ª rodada do Brasileirão, no domingo, o Palmeiras faz o clássico paulista contra o São Paulo na arena, às 16h (de Brasília). Às 19h, a Chapecoense visita o Avaí na Ressacada. Antes, às 19h30 de quarta-feira, em jogo adiado da 20ª rodada, o time catarinense recebe o Corinthians na Arena Condá.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte