Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Seduc entrega equipamentos e tintas para escolas de Alta Floresta
Investimento faz parte do compromisso firmado com a comunidade, em fevereiro, durante o projeto Seduc Interativa
12:51   22 de Novembro, 2017

Assessoria
Seduc-MT 

A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) realizou, nesta quinta-feira (16.11), a entrega de tintas, computadores, conjuntos escolares para refeitórios e aparelhos de ar condicionado para escolas de Alta Floresta.
O investimento faz parte do compromisso firmado com a comunidade, em fevereiro, durante o projeto Seduc Interativa, no qual todo o secretariado executivo da Seduc visitou in loco os 15 polos do Estado para identificar as principais necessidades das unidades escolares.
O secretário adjunto de Relação Institucional da Seduc, João Creplive Neto, que participou das visitas às unidades, ressaltou a importância de honrar os compromissos com a comunidade escolar.
"É uma satisfação poder ver o carinho com que os alunos e professores estão cuidando dessas escolas. Temos nos esforçado para transformar a Educação de Mato Grosso e essa recepção e empenho provam que estamos no caminho certo", pontuou.
João Neto ainda destacou o trabalho em conjunto das comunidades escolares e da Seduc na transformação da educação estadual, como no caso da EE Vitória Furlani da Riva, que recebeu tintas e o material para a pintura da unidade e a própria comunidade irá colocar a mão na massa para pintar a escola.
"A pintura externa da unidade já tem mais de 10 anos, mas com as tintas que recebemos vamos poder iniciar o ano letivo já com uma nova cara", afirmou o diretor Dagmar Campos.
Outra unidade que recebeu melhorias foi Escola Estadual Rural Mundo Novo. Os alunos Henrique Gomes Ribeiro, de 14 anos, e Odeir Ferreira Rosa da Silva, de 15 anos, estudam na unidade há mais de 9 anos e ficaram muito felizes com a reforma dos banheiros.

"É outra vida, agora podemos tomar banho depois da educação física ou de ajudar no cuidado da horta", afirmou Odeir.

Alta Floresta - Em 2017, o município de Alta Floresta recebeu uma série de investimentos na área da Educação. A Seduc retomou a construção de uma nova escola, além de construir uma quadra poliesportiva coberta da EE Manoel Bandeira e reformar a quadra da EE Jaime Veríssimo de Campos. Já a EE Vitória Furlani da Riva também foi atendida com repasses de verbas emergenciais para realização de pequenas reformas.
Treze computadores foram entregues para atender a demanda da área administrativa das escolas do município.
A Secretaria também entregou novos postos de transformação na EE 19 de Maio, EE Dom Bosco, EE Cecília Meireles, EE Dr. Ludovico da Riva, EE Prof. Marines Fátima de Sá, EE Rui Barbosa, EE Jaime Veríssimo de Campos e EE Vitória Furlani da Riva.
Sete escolas e o Centro de Formação e Atualização de Professores (Cefapro) foram contemplados com entrega de tintas. O material foi destinado para as EE Guimarães Rosa, EE Jardim Universitário, EE Ludovico da Riva, EE Marines Fátima de Sá, EE Rui Barbosa, EE Dom Bosco e EE Ouro Verde – esta última também foi contemplada com aparelhos de ar condicionado para o laboratório de informática.
Toda a demanda por conjuntos de refeitório das unidades do município será suprida. Os móveis são produzidos com material apreendido em fiscalizações da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e confeccionados por reeducandos e marceneiros da Seduc e Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).
Ao final do dia o secretário de Política Educacional, Edinaldo Gomes de Sousa, e o secretário de Relações Institucionais, João Neto, se reuniram com professores e educadores da região para debater sobre melhorias para a educação de Alta Floresta.
Pró-Escolas - O investimento faz parte do Pró-Escolas, maior programa de investimentos da educação de Mato Grosso. O programa prevê uma série de projetos e medidas para a redução da evasão escolar e melhoria dos indicadores de ensino no Estado. Até 2018, serão investidos mais de R$ 360 milhões em construções, manutenção e melhorias na infraestrutura das unidades escolares.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte