Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
Galvão Bueno deve narrar sua última Copa: 'Poderei ir em 2022 como comentarista'
Sua intenção é seguir "naquilo que sabe fazer" até os Jogos de Tóquio-2020
13:46   25 de Novembro, 2017

O DIA

 Após 37 anos como narrador da Rede Globo, Galvão Bueno se prepara para assumir um novo cargo nas transmissões esportivas após a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. O jornalista revelou que "muito provavelmente" o Mundial do ano que vem será o seu último.

"Poderei ir para o Catar como comentarista, âncora...só não vou parar", disse em entrevista exclusiva ao Estadão. Sua intenção é seguir "naquilo que sabe fazer" até os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020, no Japão.

Ele explicou que a notícia que ele se aposentaria após a Copa da África do Sul foi um mal entendido: "Eu não sei fazer outra coisa. Eu amo o que faço. Enquanto me aturarem... eu imaginava que a Copa na África do Sul seria minha última Copa fora do Brasil. Eu comecei em 1974. Foi Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França, Japão-Coreia, Alemanha, e completei a 10 ª na África do Sul... com o compromisso da Copa do Brasil em 2014 eu, naquele momento, não me via fazendo a transmissão dos Jogos da Rússia em 2018", afirmou.

Mas não se iluda quem imagina que o astro global vai se aposentar: "Posso ir como comentarista ou âncora... projetar algo para o Catar... se a saúde estiver bem... na Copa do Catar vou estar com 72 anos...", encerrou o narrador, que ainda apostou que Neymar tem tudo para ser o homem da Copa da Rússia.

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte