Jornal MT Norte
Publicidade
         
      
         
ENTREVISTA: Fiz o que é certo para assistir a população, avalia prefeito Noboru
Colíder é um polo Regional e várias cidades da região utilizam os serviços de nosso comércio. Por isso, temos que nos fortalecer para seguir crescendo
12:38   19 de Dezembro, 2017 - Fonte: Jornal Mato Grosso do Norte

José Vieira do Nascimento
Editor de Mato Grosso do Norte

Ao completar 38 anos de emancipação, neste dia 18 de dezembro, o município de Colíder tem muito a comemorar. No início deste ano, quando ocorreu a troca no comando da prefeitura, o novo prefeito Noboru Tomiyoshi (PSD) abriu as portas de seu gabinete para o povo e deu o pontapé num cronograma de ações, visando resgatar a autoestima da população, que se encontrava desmotivada com a situação do município.  
A menos de um mês para fechar o primeiro ano de sua administração, o clima na cidade é de euforia econômica e fé no futuro, que se desenha muito promissor. Os moradores, comerciantes e a classe empresarial voltaram a acreditar no potencial do município e que a administração municipal fará a sua parte para que Colíder avance para o futuro, com crescimento, estrutura urbana e com a qualidade de vida esperada por sua população. 
 O prefeito de Colíder, Noboru Tomiyoshi (PSD) fez um balanço do primeiro ano de sua administração em uma entrevista exclusiva à Mato Grosso do Norte. Conforme ele, após um período de organização, seu plano de governo começou a ser implementado e os resultados são positivos, dificuldades foram superadas e empreendido conquistas e avanços significativos em benefício da sociedade. 
De acordo com o gestor, seu foco tem sido administrar o município com um olhar voltado na valorização do cidadão em todos os seus aspectos e investindo na potencialização dos serviços que formam a estrutura de atendimento à população. E este tem sido o modelo de governo adotado pelo prefeito de Colíder, que está promovendo uma ampla transformação social na tarefa de reconduzir o município para os trilhos do progresso.
Apesar de ter recebido a administração em dificuldade financeiras e organizacionais, Noboru, assessorado por uma equipe que tem dado demonstração de competência, reorganizou as finanças da prefeitura e está investindo os recursos públicos com seriedade e transparência, melhorando a cidade e a qualidade de vida dos moradores.
“Foi um ano difícil. Talvez o mais difícil já vivido pela prefeitura de Colíder. Sempre temos a expectativa que a arrecadação será maior do que no ano anterior e cobrindo também as perdas inflacionárias. Mas não conseguimos arrecadar o mesmo valor do ano passado e nem corrigir a perca da inflação, que deveria ser de 8%. E perdemos R$ 3 milhões em arrecadação. Isto nos dá uma perca de, pelo menos, 12% a menos no orçamento. Mas mesmo assim, estamos muitos contentes, porque minha avaliação e positiva e temos muito a comemorar neste final de ano”, frisa Noboru. 
O prefeito enfatiza que neste primeiro ano não teve nenhuma obra grandiosa. No entanto, considera que ter reconquista a confiança e autoestima da população, que voltou a acreditar no poder público municipal, é uma conquista   inestimável. 
Os resultados da administração, austera mas eficaz e humana do atual gestor de Colíder, reflete no resgate da autoestima da população. A cidade que antes estava suja e mal cuidada, hoje está limpa, iluminada e sem buracos. Resultados das ações que foram implementadas, como limpeza, podas de árvores e aplicação de lama asfáltica

“A população estava distante da prefeitura. Não vinha na prefeitura porque sabia que não seria atendida. Hoje é diferente. O povo sabe que o prefeito trabalha mais de 12 horas por dia para desenvolver o município e atende com atenção a todos os cidadãos”, enfatiza Noboru.
O prefeito enumera a obra do trevo na entrada da cidade, a pavimentação asfáltica das ruas Floriano Peixoto e Rui Barbosa e ações internas na prefeitura que, conforme ele, o deixa com a consciência tranquilidade de quem fez o dever de casa. 
Na avaliação de Noboru, mesmo não tendo muitos recursos de emendas parlamentares, o município obteve conquistas que impactaram de forma positivas nos segmentos importantes da estrutura social, principalmente na Educação, Saúde e infraestrutura. Na sequência, a sua avaliação.
Educação - Na secretaria de Educação, comandada pela professora Tereza Pilometo Mangolin,  Noboru assegura que os resultados foram muitos positivos. Ele faz questão de ressaltar a dedicação a secretária, dos professores, diretores, coordenadores, secretários e de todos os servidores, que, mesmo com poucos recursos, não deixaram nada faltar. Cada um fez a sua obrigação. E o resultado é que aconteceu uma formação e Colíder, neste curto período, passou a ser uma referência em Educação em âmbito municipal. 
“Apesar de ter obrigação de gastar 25% do orçamento do município em Educação, investimos 35%. Utilizamos 100% do recurso do Fundeb para pagar a folha e injetamos mais recursos para proporcionar aos nossos estudantes, as condições adequadas de aprendizado. A meta e ter qualidade na Educação de nossas crianças e jovens. Faço isto com orgulho porque estamos investindo nos filhos de Colíder”, enfatiza o gestor.
Nas escolas municipais, conforme o prefeito, as crianças comem 5 tipos de frutas na merenda. E isto não acrescenta em custo maior, mas sim na qualidade da alimentação. Os alunos comem por exemplo, banana, laranja, maça e manga. “São detalhes importantes que acrescentam qualidade na merenda dos nossos alunos e melhoram a qualidade do ensino”, disse. 
No transporte escolar, o Estado usa 66% do serviço, mas paga apenas 33%. Segundo o prefeito, o restante é bancado pela prefeitura. Em números, o Estado paga R$ 300 mil e o município paga o restante, que é um total de R$ 600 mil. “Não medimos esforços para oferecer qualidade na Educação. E nossa satisfação foi ver vários de nossos alunos que foram contemplados com medalhas de ouro e bronze nas Olimpíadas de Matemática”, reitera.
 Saúde – Para promover um atendimento de qualidade ao cidadão de Colíder, o prefeito Noboru observa que a prefeitura foi obrigada a investir 25% de sua arrecadação no setor, quando a legislação determina que o município deve destinar 15%. 
“Para mim, este percentual a mais que investimos, me deixa tranquilo por significa que fiz o que é certo para assistir a população. Não temos aqui falta de remédios e falta de exames laboratoriais e falta de transporte para tirar as pessoas que precisam de atendimento fora do município. Damos apoio ao hospital regional, mesmo não sendo responsabilidade do município. Não podemos deixar as pessoas sem esse transporte. Fizemos esta parceria porque entendemos que não estamos ajudando o hospital, estamos ajudando o morador de Colíder”, disse.
Segundo o prefeito, chega a mil pacientes por mês que são levados para Cuiabá para atendimento, cerca de 30 pessoas\dia. Por isso, a prefeitura fez a contratação de uma casa de apoio para atender estes pacientes. 
Para o prefeito, as dificuldades da saúde foram todas vencidas, mesmos as que não eram de responsabilidades do município como o caso do hospital regional. “Fazia mais de um ano que o hospital de Colíder não fazia parto. Não tinha médico, não tinha pediatra, não tinha ginecologista para atender, e nossas mães estavam indo para Alta Floresta, Guarantã, Peixoto para os filhos de Colíder nascerem. Mas tudo foi vencido. Meu grande aliado foi meu companheiro, meu amigo Dr. massahiro Ono, que contribuiu na construção deste bom relacionamento através de seu prestígio, sensibilizando o governador nesta questão da saúde e ajudou a resolver este difícil problema”.   
Infraestrutura - O prefeito destaca que este ano foram feitos uma operação tapa buraco com qualidade. Com isto, por um longo período as ruas e avenidas recuperadas se manterão em boas condições de tráfego. Foram feitos também, segundo Noboru, 120 mil metros quadrados de lama asfáltica e revigorado a pavimentação das ruas, aumentando sua vida útil.  
A coleta de lixo da cidade foi inovada pela atual gestão municipal de Colíder. De acordo com o prefeito, a coleta é regular em toda a cidade, tanto no perímetro comercial como nos bairros. Apenas nos domingo que a coleta não é feita. Porém, no domingo, a coleta de lixo é feita nas principais avenidas comerciais para cidade permanecer sempre limpa.
O Mutirão de Limpeza realizado este ano, avalição do prefeito, foi uma ação de grande importância. Ação envolve a poda das árvores e retiradas de lixos e entulhos, proporcionando que a cidade fique mais harmônica, bonita e limpa. 
“É isto que a população espera. Em função da falta de recursos, não foi possível se fazer novos investimentos, mas o que era necessário e imprescindível para os moradores, fizemos muitos bem”, observa.

 

As estradas que dão acesso às comunidades rurais de Colider estão em perfeitas condições de tráfego, graças ao trabalho realizado pela secretaria de Infraestrutura, que patrolou 100% da malha viária antes do mês de outubro. 
O prefeito aponta a construção e recuperação de mais de 150 pontes e bueiros nas estradas municipais, permitindo que os moradores da zona rural tenham condições de trafegar e escoar sua produção sem nenhum transtorno. 
Ação social - Na Secretaria de Ação Social, o foco da administração, através da secretária Ana Tomiyoshi, são as famílias mais fragilizadas. O prefeito Noboru disse que sua orientação é um tratamento humanizado, procurando entender as dificuldades enfrentadas por estas famílias.
“A política da Ação Social é dialogar com as famílias, saber o que elas realmente precisam no que se refere a Educação, empregos, Saúde e ser um elo entre elas e os serviços que a prefeitura pode oferecer ou encaminhá-las para um atendimento. Procuramos também o apoio do poder Judiciário e do Ministério Público para nos auxiliar na área social. Queremos resgatar as famílias e ajudar no que for possível para melhorar suas vidas”, assegura o prefeito.
O prefeito enfatiza que sua orientação aos colaboradores da Pasta de Ação Social é ficar atentos e estarem presentes junto à população mais fragilizada e carente do município. 
Esportes – Na atual gestão o setor de esporte de Colíder voltou a ser valorizado e as competições voltaram a acontecer no município. Conforme o prefeito, há muito tempo que não havia um ano com tantas atividades direcionada aos desportistas e a comunidade, com apoio de entidades, escolas e faculdades. 
Desenvolvimento Econômico – Nesta administração a secretaria de Desenvolvimento Econômico, passou a ser valorizada e cumprir com suas atribuições perante a comunidade. A pasta passou a funcionar em novo endereço para ter visibilidade. Com um trabalho em parceria com as entidades ligadas ao setor da economia, a secretaria passou a ser, na avaliação do prefeito, a mola propulsora do crescimento com desenvolvimento de Colíder. 
“A prefeitura não planta, não tira leite, mas tem que incentivar a produção e criar mecanismo para ajudar os segmentos produtivos que movimentam a economia. E o secretário Ronaldo tem feito um trabalho com esforço e dedicação para o município crescer”, frisa.
O prefeito observa que tanto o agronegócio como a produção de lavoura como soja e milho, tem que se fortalecer no município e fazer a integração da pecuária com a lavoura, para que estes dois setores, um ajude ao outro.
 “Precisamos reformar as propriedades para haver esta integração e a secretaria de Desenvolvimento tem trabalhado fortemente neste sentido, promovendo esta discussão e dando o apoio ao comércio e a indústria da cidade. Colider é um polo Regional e várias cidades da região utilizam os serviços de nosso comércio. Por isso, temos que nos fortalecer para seguir crescendo. É importante que as estradas de acessos às cidades e localidade da região, estejam em boas condições para seus moradores venham para Colíder e fortaleça nosso comércio”, analisa. 
Parcerias - Trabalhar em parceria com as entidades e setores organizados da sociedade, de acordo com Noboru, permitiu que os resultados em beneficiou da população, fossem motivados. Eles destaca a parceria com a APAE, com os Vicentinos, Rotary, Guarda Mirim, Lyons, ACIC, Sindicato Rural, Conseg e Tiro de Guerra, no sentido de apoiar estas entidades. 

 

As portas de seu gabinete e das instituições municipais, segundo ele, estiveram abertas para as entidades durante este ano. E o trabalho em conjunto, chamando a população para a responsabilidade, mas ofertando apoio para que as ações pudessem acontecer, foi fundamental para os resultados positivos que foram obtidos.  
“Fizemos um repasse para estas entidades superior a R$ 1 milhão. É um dinheiro que retiramos da prefeitura, mas é um recurso bem aplicado. As entidades multiplicam estes recursos para atender a comunidade. Portanto, mesmo a prefeitura estando com recursos apertados, jamais deixaremos de fazer esta parceria com as entidades, porque sabemos o tanto que elas fazem e contribuem com a comunidade de Colíder. Esses recursos não são para a entidade. São para elas fazerem seus serviços e esta prestação de serviço que é feita, vale mais de um milhão. Fico extremamente agradecido a todas as entidades que foram parceiras da administração este ano”, enfatiza. 
Dever cumprido - Noboru ressalta que chega ao final deste primeiro ano de gestão com a consciência tranquila e paz no coração, porque apesar das dificuldades enfrentadas e escassez de recursos, a missão de fazer um município melhor, com oportunidades, foi cumprida pela equipe de governo. 
“Usamos os recursos com eficiência para atender as demandas da prefeitura e cumprir com nossas obrigações. Meu balanço é questionar a situação que estávamos há um ano e como estamos hoje? Não tínhamos a MT 320, não tínhamos o trevo, não tinha a lama asfáltica. A  cidade está limpinha e não temos problemas de falta de vaga nas escolas. Avançamos este ano a agradeço o empenho de todos os secretários e o comprometimento dos servidores que nos permitiu ofertar o melhor serviço para o cidadão”, analisa. 
O prefeito também destaca o bom relacionamento político que tem mantido com deputados estaduais, federais, senadores e com o governo estadual, que permitiu que o município fosse beneficiado com ações e conquistas importantes para a sociedade.
“Somos sempre bem recebidos pelo governador Pedro Taques e na Assembleia Legislativa. E esse bom relacionamento é fruto de uma conversa sadia e honesta. Levamos nossos anseios e nossas necessidades e os deputados nos ajudaram muito. Não impomos nada! Esse bom relacionamento é fruto de amizades que conquistamos. O governador já veio em Colíder e virá novamente agora no aniversário da cidade. O vice-governador nos contemplou com uma emenda de R$ 1,5 milhão para recuperar o nosso lago no parque municipal”, disse o prefeito.  
A participação e apoio da Câmara Municipal para que os resultado fossem alcançados, também foi lembrado pelo prefeito Noboru.
“A Câmara Municipal, principalmente nossa base, teve uma participação extremamente importante, ajudando a administração. Agradeço de coração aos vereadores que nos ajudaram a encontrar soluções para os problemas de Colider”, finaliza. 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte