Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Rodrigo Maia admite candidatura à presidência em 2018
DEM, seu partido, estuda a possibilidade de lançar candidatura própria ao Planalto
13:36   30 de Dezembro, 2017
9879ffd62dc39709699f939206cd149a.jpg

LUCIANA BARCELLOS

Rio - A pressão foi grande. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), revelou que pode concorrer à Presidência da República em 2018, já que o partido estuda a possibilidade de lançar candidatura própria ao Planalto. Apesar de ser o nome mais forte do DEM, Maia disse que estaria entre um dos "ótimos nomes do partido" para concorrer à vaga. No páreo estariam concorrendo também Mendonça Filho, ministro da Educação, ACM Neto, prefeito de Salvador, e Ronaldo Caiado, senador (GO).

"O DEM está trabalhando para ter um candidato próprio", confirmou. "Quem conseguir se organizar melhor vai ter condições para disputar a eleição nacional com chances de vitória", completou Maia, que esteve ontem no Rio, no Palácio Guanabara, no evento que anunciou a liberação de recursos de R$ 27 milhões para 785 escolas da rede pública.

Alianças

O presidente da Câmara disse também que o DEM buscará alianças estaduais que sustentem a candidatura ao Planalto. "Importante é organizar a base porque ninguém disputa uma eleição presidencial no Brasil sem ter aeroporto próprio para aterrissar nos estados. Não adianta ter uma candidatura que fique vagando o Brasil sem apoio", avaliou. "Não é um processo simples uma candidatura presidencial. Muito difícil um partido só vencer a eleição presidencial", admitiu.

Governo

Maia ainda defendeu a Reforma da Previdência, ressaltou que o Brasil precisa parar de pensar em nomes para priorizar projetos, reconheceu que o DEM tem muita convergência com o governo e que não pretende criar atrito nenhum por enquanto. Só em fevereiro, com a convenção, que o DEM deve desembarcar do governo. "O prazo de saída dos ministros do governo, de renúncias de prefeitos, aí sim é o momento de se consolidar e anunciar o nome de um candidato", disse.

 

Prestígio

Apesar de não ter habite-se da Secretaria Municipal de Urbanismo, e não poder realizar festas, de acordo com uma liminar do Ministério Público que proíbe e estabelece multas de R$ 200 mil em caso de descumprimento , o Rio Beach Club, na Ilha da Coroa, no Itanhangá, conseguiu a autorização de mais dois eventos este ano: uma feijoada e o Réveillon.

Coincidência

Em abril, a casa chegou a ser fechada numa ação comandada pela prefeitura, mas, no fim de setembro, quando o novo superintendente da Barra, Carlos Magno, assumiu, o espaço voltou a realizar festas, para desespero dos moradores. Como já foi dito aqui no Informe, Magno atuava como consultor de segurança na Ogvig Segurança e Vigilância. Coincidentemente, é a mesma empresa que faz a segurança no local.

Acessibilidade

Hoje tem mais Praia Para Todos nas areias do Posto 3, na Barra, e no Posto 6, em Copa. Criado pelo Instituto Novo Ser, o projeto garante momentos de lazer e acessibilidade às pessoas com deficiência, e acontece até abril, aos sábados e domingos, das 9h às 14h.

  •  
 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte