Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Coopernova disponibiliza reprodutores leiteiros
Objetivo é garantir o melhoramento genético do rebanho leiteiro de seus associados
13:39   29 de Janeiro, 2018
95524d1fa665e47bbb7282e82fb8300e.jpg

 A COOPERNOVA, Cooperativa Agropecuaria Mista Terra Nova Ltda, disponibilizará a um grupo de associados que solicitaram a demanda, 25 (vinte e cinco) touros reprodutores leiteiros, das raças Gir, Holandes e Girolanda, para melhoramento genético do rebanho leiteiro de seus associados. 

Os animais foram adquiridos em Fazendas de produção de leite aqui mesmo no Estado de Mato Grosso, referências na produção de leite, reprodutores e matrizes bovinas, mediante visita do grupo de produtores que acompanhados pelo Veterinário da Cooperativa, Dr. Joao Luiz, fizeram a seleção.

Para facilitar a aquisição por parte dos associados, a cooperativa efetuou a compra e irá parcelar o valor dos animais em 20 ( vinte) parcelas mensais. O programa de aquisição de reprodutores leiteiros faz parte do programa de melhoramento genético que vem sendo implementado pelo Departamento Técnico da Coopernova com a finalidade de melhorar a produtividade do rebanho leiteiro e melhorar a produção individual nas propriedades. 

Os recursos utilizados são oriundos do Programa Mais Leite Saúdavel do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento que as indústrias de laticínios em geral, não somente as Cooperativas, podem ser beneficiadas através do ressarcimento do Pis/Cofins que incide sobre o preço do leite pago pelas indústrias de laticínios aos produtores. 

Segundo informações da Administração da Coopernova, estes recursos podem ser aplicados além do melhoramento genético, também no melhoramento da qualidade do leite e na disponibilidade de assistência técnica aos produtores. 

Os recursos são gerados pelo produtor através de sua produção de leite e uma parte destes impostos devem ser retornados a eles nestes três eixos, o que infelizmente na maioria das industrias de laticínios particulares da região não acontece, mas nas cooperativas isto vem ocorrendo desde que o programa foi criado em 2015. 

Além desta remessa de reprodutores, a Cooperativa vem disponibilizando aos seus associados, matrizes leiteiras adquiridas junto à associados que já possuem animais disponíveis a venda e que são financiadas também em parcelas mensais, facilitando desta forma a ampliação do rebanho em produção. A Coopernova deverá ainda no 1º. Semestre de 2018, iniciar a produção de leite em pó, leite condensado e soro de leite em pó em novas instalações na cidade de Terra Nova do Norte.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte