Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Blairo anuncia fim da carreira política
Ele fica no ministério até no fim do governo Temer
18:11   26 de Fevereiro, 2018
f890472f7687b8db2419b3fe8e19c596.jpg

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP), anunciou oficialmente, na manhã desta segunda-feira (26), que não vai disputar a reeleição ao cargo de senador nas eleições deste ano.

O ministro declara que vinha se sentindo frustrado no Senado, já que no Legislativo as realizações de projetos são mais morosas e, nem sempre, ocorrem como gostaria. “Me sinto muito melhor no Mapa. Realizado e realizando as coisas. Muito mais do que no Senado. No Parlamento, muitas vezes o trabalho não aparece. Para quem vem do Executivo é, de certa forma, frustrante."

No Mapa desde maio de 2016, Blairo entende que, mesmo não sendo insubstituível, já conhece “os caminhos das pedras” para fortalecer e colocar em prática as ações preparadas até então. Além disso, a questão empresarial também pesou. Já conhecido como o “rei da soja”, o ministro entende que, desde quando se elegeu governador, em 2003, tem deixado de lado suas empresas. Caso se elegesse novamente ao Senado, continuaria afastado, ao menos, por mais oito anos.

Maggi disse que está “cansado da carreira política” e que permanecerá como ministro do Governo Michel Temer até o final deste ano.

O ministro Blairo Maggi afirmou que, além de não se candidatar nas eleições deste ano, também não vai participar do processo eleitoral de nenhuma forma, e não pretende declarar apoio a nenhum candidato.

"Minha retirada da disputa significa também minha ausência da disputa", afirmou. "Não quero nem participar das discussões. Se eu quisesse fazer política, estaria dentro da política", completou.

Ele disse que vai continuar filiado ao PP, inclusive porque o cargo no Ministério da Agricultura pertence ao partido.

No entanto, admite voltar à política no futuro. "Nunca mais só a morte", declarou. "Não estou fechando as portas a vida inteira pra política. Não sei o que pode vir e me animar de novo", disse.

Maggi disse que não teme perder o foro no STF. "Se eu tivesse receio de foro, disputaria eleição, porque todo mundo diz que é melhor ter foro. Tem também teorias que é melhor os processos virem aqui para baixo. De qualquer forma, estou tranquilo", afirmou.

Blairo ainda revela que já comunicou ao presidente Temer que segue no Mapa e, por isso, irá se manter filiado ao PP, já que o cargo faz parte do acordo de apoio ao governo. O progressista afirma que a saída da vida pública é assunto pensado há algum tempo e descarta a possibilidade de voltar atrás e acabar disputado as eleições, como ocorrido em eleições passadas, a exemplo de 2010, quando chegou a afirmar que não disputaria eleições, mas acabou se elegendo senador.

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte