Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
PIB cresceu 14,1% no terceiro trimestre de 2017
Agropecuária , indústria e serviços foram responsáveis pelo bom desempenho econômico do Estado
12:02   28 de Fevereiro, 2018
4cb12b9baac898a2fdd96b1f939cc276.jpg

Nayara Takahara
Seplan-MT 

O Produto Interno Bruto (PIB) de Mato Grosso cresceu 14,1% no terceiro trimestre de 2017, em relação ao mesmo período do ano anterior. O desempenho foi superior ao apresentado pela economia brasileira, que registrou crescimento de 1,4% para o mesmo período.
Os dados fazem parte de um levantamento inédito realizado pela Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan) e apresentado na manhã desta terça-feira (27.02) pela equipe técnica da Coordenadoria de Estudos Socioeconômicos da Seplan, representada pelos servidores públicos e economistas Eduardo Matsubara e Breno Antunes.
Na variação do acumulado anual, ou seja, de janeiro a setembro de 2017, a economia mato-grossense cresceu 13,9%, enquanto a atividade econômica nacional registrou um aumento de apenas 0,6% no mesmo período. Já no acumulado dos últimos quatro trimestres em relação aos períodos anteriores, Mato Grosso registrou crescimento de 10,2% e no Brasil a redução foi de -0,2%.
De acordo com o secretário de Planejamento, Guilherme Müller, Mato Grosso passa a atuar na vanguarda ao calcular o PIB trimestralmente e adiantar os resultados econômicos do estado, divulgados nacionalmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com uma defasagem de dois anos.
Segundo o gestor, Mato Grosso começou a ter crescimento positivo do indicador a partir do último trimestre de 2016 e seguiu positivamente de 2017 em diante, com resultados muitos maiores do que o crescimento do País e da maioria dos estados brasileiros que calculam o PIB trimestral. “Resultados puxados pelo setor agropecuário”, ressaltou.
Entre os setores da economia, a agropecuária cresceu 49,8%, a indústria 2,6% e serviços 1,7% no trimestre, o que demonstra a importância do setor agrícola para o desenvolvimento do Estado.
Conforme o coordenador de Estudos Socioeconômicos da Seplan, Eduardo Matsubara, o crescimento em Mato Grosso é reflexo direto de boas safras na agropecuária, setor que apresentou um aumento de produção por quatro trimestres seguidos.
É também reflexo do desempenho positivo do setor da indústria, que cresceu no terceiro trimestre de 2017 impulsionado pela indústria de transformação e produção e geração de energia (entrada de novas usinas hidrelétricas). Entre os estados, Mato Grosso apresentou a maior alta do PIB no terceiro trimestre de 2017 ao alcançar 14,1%.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte