Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Câmara autoriza empréstimo de mais de R$ 6 milhões no Banco do Brasil
Projeto foi aprovado por unanimidade e recursos será usado para renovar frota da prefeitura
13:46   14 de Março, 2018
cd72f8273cf771c0fe3612678b55c144.jpg

José Vieira do Nascimento
Editor MT Norte

A Câmara Municipal de Alta Floresta aprovou na sessão ordinária desta terça-feira, 13, projeto de lei do executivo municipal, que autoriza a prefeitura a fazer um financiamento com o Banco do Brasil, no valor de R$ 6. 425.500,00 (6 milhões, 425 mil e 500 reais). Todos os vereadores votaram a favor da matéria. 
O recurso será obtido com  financiamento junto ao Banco do Brasil e será destinado exclusivamente, para a compra de maquinários. O prazo de pagamento da dívida será de 60 meses. 
A prefeitura irá comprar três motos niveladoras, uma retro escavadeira, uma Escavadeira hidráulica, um rolo compactador, um trator de pneu, uma grade de 22 discos, uma caminhonete 3\4, um caminhão com espargidor, um distribuidor de agradado, 5 caminhões caçambas e um caminhão com prancha.
O líder do prefeito na Câmara Municipal, vereador José Valdecir, o Mendonça (PPS) disse que o financiamento não compromete o orçamento da prefeitura e não causa impacto porque está dentro de sua capacidade de endividamento. 
“O banco do Brasil também realizou um estudo e constatou a capacidade do município de pagar o financiamento. O banco colocou à disposição da prefeitura até R$ 12 milhões”, disse o vereador.
Com o financiamento aprovado pela Câmara, a prefeitura poderá ter acesso aos recursos, fazer a licitação para a compra dos maquinários e num prazo de 90 dias, as novas maquinas já estarão à disposição dp município.
Todavia, Mendonça frisa que os maquinários que serão adquiridos ainda não serão suficientes para atender as demandas do município. “Hoje, as máquinas estão sucateadas e quebram muito. O secretário de Obras não conseguem trabalhar. Com as maquinas novas, os serviços serão realizados, mas a prefeitura ainda precisaria de mais máquinas”, disse.

O líder do prefeito disse que a frota antiga da prefeitura, com base no entendimento do prefeito Asiel Bezerra, será verificada as que ainda tem condições de serem recuperadas. As demais, serão retiradas as peças que ainda podem ser usadas em outras maquinas e as sucatas devem ser encaminhadas para um leilão.
“O financiamento foi uma medida acertada do prefeito e os vereadores entenderam e apoiaram, votando o projeto e autorizando o financiamento”, observou o parlamentar.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte