Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Flamengo derrota o Ceará e assume a liderança do Brasileirão
Rubro-Negro assume a liderança do Brasileiro, com sete pontos, com dois gols do garoto de 17 anos e um de seu camisa 10.
12:50   30 de Abril, 2018
2e588d6cae4deab42897c274f855e053.jpg

Gazeta Press

Com ótima atuação de Vinicius Júnior, autor de dois gols,Flamengo derrotou o Ceará por 3 a 0 , em partida disputada na tarde deste domingo, no Castelão, pela terceira rodada doCampeonato Brasileiro . O resultado fez o time rubro-negro chegar aos sete pontos ganhos e assumir a liderança do torneio. O Ceará, com apenas um ponto, é o 18º colocado. Os gols da equipe carioca foram marcados por Vinicius Júnior, dois, e Diego.
Vinicius Junior teve grande atuação no Castelão. Driblou, fez dois gols e decidiu a partida. O camisa 20 conseguiu dar bons passes e cruzamentos. Foi definitivamente o melhor jogador do duelo em Fortaleza.
Humilhado e agredido no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro, Diego não foi o protagonista em termos técnicos, mas sem dúvida seu gol foi o momento de maior destaque do duelo. Na comemoração, correu, reverenciou a torcida do Flamengo e subiu nas escadas para abraçá-la. Após o duelo, disse que jamais pensou em deixar o clube e afirmou que, se for preciso, andará escoltado para seguir de vermelho e preto.
Líder do Brasileiro com sete pontos, o Flamengo volta a campo no próximo domingo, às 16h, contra o Internacional, no Maracanã. O Ceará, 18º colocado com apenas um ponto, vai à Arena Corinthians para enfrentar o atual campeão brasileiro - a bola rola às 11h.
Após sofrer muita pressão e agressões em atos de vandalismo no Rio de Janeiro, o Flamengo adoçou a boca de seu torcedor, que andava amargurado com as péssimas atuações do time. Com uma atuação coletiva muito boa e Vinicius Junior e Paquetá em evidência, o Rubro-Negro venceu por 3 a 0 o Ceará.

Vinicius, com dois gols e dribles, foi o protagonista em termos de futebol. Diego, que fechou o placar, terminou como o personagem do duelo. Após acertar cabeçada violenta e decretar o 3 a 0 rubro-negro, correu para a torcida flamenguista, presente em grande número no Castelão. Beijou a camisa, fez reverência e subiu as escadas para se jogar nos braços do povo.
Com muita superioridade coletivamente e rodando a bola com paciência, o Flamengo abriu o placar aos 41 minutos. Cuéllar deu passe certeiro, Vinicius infiltrou e, com talento, tocou por cima do Éverson.
Logo depois de sofrer o segundo gol,o técnico Marcelo Chamusca decidiu modificar a equipe e colocou Wescley no lugar de Reina, enquanto Rafael Carioca ocupou a vaga de Romário.
O time nordestino não conseguiu melhorar e o treinador decidiu mexer no esquema. Ele tirou o zagueiro Tiago Alves e colocou o atacante Roberto, numa tentativa de tornar sua equipe mais agressiva.
Na volta do intervalo, o garoto apareceu novamente. Recebeu na esquerda, finalizou, e a bola subiu. Paquetá a recuperou, esticou para Rodinei, que cruzou na medida para Vinicius ampliar.
Aos 25 minutos, Diego fechou a conta e a noite em alto estilo. Rodinei cobrou escanteio, Paquetá raspou, e o camisa 10 cabeceou com força. Ali decretou a vitória e um início de reaproximação entre torcida e Flamengo.
O Falmengo volta a campo na próxima quarta-feira (2), mas desta vez pela Copa do Brasil. O adversário da vez é a Ponte Preta e a bola rolará no Moisés Lucarelli, em Campinas, a partir das das 19h30.
Público pagante: 51.952 Público presente: 52.952 Renda: R$ 1.636.169,00

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte