Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Mais
12:53   18 de Maio, 2018

NA BERERÊ
O Ministério Público Estadual (MPE) afirmou que os deputados Baiano Filho (PSDB), José Domingos (PSD), Romoaldo Júnior (MDB), Nininho (PSD) e Wilson Santos (PSDB) receberam um total de R$ 186,6 mil em propina para não fiscalizar o contrato milionário da empresa EIG Mercados com o Detran-MT. A acusação consta na denúncia ingressada na quarta-feira, 16, relativa à Operação Bereré. Também é alvo da denúncia o ex-deputado João Malheiros e Eduardo Botelho, presidente da AL. 

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte