Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Prefeito reassume prefeitura no dia 2 de julho
Vereadores dizem que prefeito está mudado e fará novo modelo de gestão
12:38   13 de Junho, 2018
da234ebaf3f2f5c4b061ae0cd5d29302.jpg

Reportagem
Mato Grosso do Norte

Na sessão desta terça-feira da Câmara Municipal de Alta Floresta, vereadores anunciaram que o prefeito Asiel Bezerra (MDB), que está licenciado, reassume a administração no dia 2 de julho. 
O vereador José Valdecir, o Mendonça (PSC) que também voltará a liderança do executivo municipal, disse que Asiel está bastante animado e irá mudar seu estilo de governar o município.
“Ele volta de maneira diferente. Vai se reunir com os vereadores assim que assumir e vai assumir compromissos de mudanças na gestão”, disse Mendonça.
O vereador Dr. Charles Miranda (PSD) disse que o prefeito Asiel Bezerra se recuperou em mais de 90% em seus problemas de saúde e está bem fisicamente, pronto voltar a prefeitura. “O prefeito está muito bem e me garantiu que vai manter as exonerações feitas pela prefeita Marinéia Munhoz. Ele fará um novo modelo de gestão em seu regresso no dia 2 de julho”, afirmou Charles.

O vereador Dida Pires (PPS) disse que espera que realmente o prefeito Asiel Bezerra mude suas atitudes ao reassumir a administração. Segundo o vereador, o prefeito tem que acabar com as licitações superfaturadas e com as quadrilhas, que diz existir na administração.
“Eu vou olhar nos olhos dele e questionar. Essa quadrilha que cobra preços fora do valor de mercado tem que acabar na prefeitura. O empresário não rouba sozinho. Tem que ter alguém para fazer estas licitações fraudulentas. Eu estou gostando da administração da prefeita e espero que realmente o prefeito tenha mesmo mudado”, asseverou o parlamentar.
O presidente da Câmara, vereador Emerson Machado (MDB) disse que deve se criar uma comissão, com represente do poder Legislativo, para acompanhar as licitações, inclusive acompanhar as entregas das mercadorias, verificando a quantidade, qualidade e validade dos produtos.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte