Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
TJ-MT nega recurso e mantém prisão de Mauro Savi
22:28   14 de Junho, 2018
bb15be9daf3eee5bc0302e5602e73cd1.jpg

OTribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT) manteve a prisão do deputado estadual Mauro Savi (DEM), que está detido desde o dia 9 de maio por conta da Operação Bereré.

O julgamento do recurso do político ocorreu na tarde desta quinta-feira (14) e a prisão foi mantida por 21 votos a 2. O caso havia sido posto em votação no dia 24 de maio, mas tinha sido adiado em razão do pedido de vistas do desembargador Marcos Machado.

O desembargador Márcio Vidal, um dos que votaram contra a soltura, mencionou que Savi é alvo de inquérito por fraude em licitação, pagamento de ilícito e desvio de Receita Pública. “O STJ e o STF reiteraram que organização criminosa possui fundamentação para a prisão preventiva”, pontuou. Vidal ainda mencionou que existe o risco de reiteração delitiva. “Este é um fator concreto que justifica a manutenção da prisão”, reforçou.

O deputado é apontado como um dos líderes desse esquema. Mauro Savi está preso desde 9 de maio no Centro de Custódia de Cuiabá (CCC), no bairro Carumbé. Alvo da Operação Bônus (desdobramento da Bereré), o deputado é acusado pelo Ministério Público Estadual (MPE) de chefiar um esquema de corrupção no Departamento Estadual de Trânsito (Detran)

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte