Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Promotor diz que assumiu Comarca para servir população de Guarantã
Guarantã tem apenas um promotor titular para atende a população
12:06   29 de Junho, 2018
8bc64ad73cc938d21e48fff09b88d65f.jpg

Célio Ribeiro
Guarantã do Norte

Com pouco dias à frente dos trabalhos da Promotoria de Guarantã do Norte, o promotor Dr. Luiz Alexandre, já se deparou com vários trabalhos na Comarca do município, que abrange as cidades de Guarantã do Norte e Novo Mundo, alguns bem mais complicados que os outros.  
Em entrevista coletiva, o magistrado disse que o Ministério Público tem muitos processos e fez uma comparação com a Comarca da cidade de Colíder, onde os trabalhos judiciais são bem menores. Lá há três promotores e em Guarantã do Norte, apenas um promotor titular e um outro volante, para dar conta dos inúmeros trabalhos processuais.
DR. Luiz destacou entre os vários trabalhos processuais, as questões de procura da população ao Ministério Público para conseguir uma vaga em UTI – Unidade de tratamento intensivos- pelo Sistema Único de saúde, através de liminar.  Segundo o promotor, neste curto período na Comarca do município, já teve que interferir em dois pedidos desta natureza. 

Referente as questões ambientais, ele destacou o lixão da cidade. O promotor disse ser um assunto muito sério e que há uma ação judicial em curso, com ganho em primeira instância, mas houve um recurso. 
Ele alega ser fundamental para saúde da população a construção, com urgência, de um aterro sanitário. 
“Sabemos que é uma obra caríssima para o município, mas há as iniciativas municipais para se buscar este tipo de solução. Este problema não é de hoje, as leis de resíduos sólidos já estabelece estes tipos de obrigações. Este não é só um problema de Guarantã do Norte, mas da maiorias dos município do país”, relatou. 
Dr. Luiz Alexandre disse que veio para a Comarca de Guarantã do Norte, para servir a população e será isto que irá fazer.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte