Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Mais
13:40   06 de Julho, 2018

 EM GUARANTÃ


A Comissão Processante formada na Câmara de Guarantã do Norte para apurar os fatos envolvendo vereador Irmão Alexandre (PSC), que esteve preso recentemente sob acusação de tentativa de homicídio, segue com os trabalhos investigativos. Na quarta-feira, a comissão iria ouvir várias testemunhas, mas o advogado de defesa do vereador, dispensou todas. A comissão, presidida pelo vereador Nonato Bernardes Duarte, tem 90 dias para concluir os trabalhos e enviar o relatório para votação em plenário.

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte