Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
STJD denuncia Palmeiras, Felipão e Mattos, que serão julgados por incidentes contra o Cruzeiro
Técnico pode pegar até dois anos de suspensão; julgamento será nesta sexta-feira
14:10   26 de Outubro, 2018 - Fonte: GloboEsporte.com — São Paulo
6c2b699d34f179ca502f3ae184b51a29.jpg
Foto: Foto: Agência i7/ MIneirão

Palmeiras, o técnico Luiz Felipe Scolari e o diretor de futebol Alexandre Mattos foram denunciados e serão julgados nesta sexta-feira pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

No caso de Felipão, por declarações que deu após a partida entre Palmeiras e Cruzeiro pela Copa do Brasil, no Mineirão. Mattos e o clube serão julgados por incidentes ocorridos também em um jogo contra adversário mineiro, mas pelo Campeonato Brasileiro. O julgamento será nesta sexta-feira, a partir das 10h (de Brasília), na sede do STJD, no Rio de Janeiro.

Palmeiras foi eliminado pelo Cruzeiro da Copa do Brasil no dia 26 de setembro, uma quarta-feira. Ao final da partida, houve uma briga generalizada entre jogadores dos dois times. Quando descia para o vestiário, Felipão foi filmado falando para funcionários do Cruzeiro:

A frase do técnico do Palmeiras fazia referência ao jogo seguinte entre os dois times, a ser disputado quatro dias depois, pelo Campeonato Brasileiro, em São Paulo. Para a Procuradoria do STJD, "a expressão usada pelo treinador incida o ódio e a violência". Felipão foi denunciado no artigo 243-D do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que em caso de condenação prevê pena de suspensão de 360 a 720 dias e multa de R$ 100 a R$ 100 mil.

O jogo seguinte, pela 27ª rodada do Brasileiro, foi disputado no Pacaembu e vencido por 3 a 1 pelo Palmeiras – o que não impediu críticas à arbitragem por parte do diretor de futebol do Verdão, Alexandre Mattos.

No intervalo do jogo, Mattos subiu ao gramado e esperou a saída da arbitragem. Nas escadas que levam aos vestiários do Pacaembu, o dirigente abordou os árbitros e disse, antes de ser condito por policiais militares:

– Vocês vão ver as imagens, não pode acontecer um erro desses!

Por causa dessa atitude, Mattos foi denunciadono artigo 258 do CBJD, que prevê suspensão – em caso de condenação – de 15 a 180 dias para dirigentes.

Por fim, o Palmeiras também foi denunciado. Segundo a Procuradoria do STJD, um segurança do clube teria agredido um segurança do Cruzeiro com um chute, o que gerou uma confusão generalizada. O clube será julgado por ter descumprido o Regulamento Geral de Competições. Por não ter garantido a segurança de "atletas, comissões, árbitros, profissionais de imprensa e demais pessoas" que atuam numa partida, o Palmeiras pode ser multado em até R$ 100 mil.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte