Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Mais
11:54   05 de Novembro, 2018

EFEITO COLATERAL
A derrota do deputado Romoaldo Júnior (MDB) na eleição de 2018, já está causando efeitos colaterais no cenário político de Alta Floresta. De olho nas eleições municipais de 2020, os vereadores Emerson Machado, Luiz Carlos e José Aparecido, o Cidão, todos do MDB, cogitam deixar o partido em busca de espaço para acomodar seus projetos políticos. Emerson almeja ser candidato a prefeito e teme que Romoaldo, que deverá estar sem mandato, caso não seja obstruído pela lei da ficha limpa, decida também ser candidato a prefeito de Alta Floresta. Para se prevenir contra esta possibilidade, o atual presidente da Câmara deve migrar para outra sigla quando abrir a janela partidária. Cidão e Luiz Carlos deverão vir à reboque. 

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte