Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
João de Deus se entrega à polícia
João de Deus se apresentou ao delegado-geral de Goiás, na tarde deste domingo, em Abadiânia
22:15   16 de Dezembro, 2018
52032bda71a426698efb9f2ec152240d.jpg

Agência Estado

 

O médium João de Deus se entregou às autoridades e foi preso neste domingo, 16, em Abadiânia (GO). O líder espiritual teve o mandado de prisão decretado no fim da manhã de sexta, 14, e negociava os termos de sua apresentação.

A informação foi confirmada ao Estado pelo criminalista Alberto Zacharias Toron, que defende João de Deus. Segundo ele, o médium aceitou a recomendação de se encontrar com o delegado-geral de Goiás, André Fernandes de Almeida.

Uma vez preso, João de Deus seria levado para Goiânia, onde prestará depoimento sobre as acusações. Em virtude da idade e dos crimes em que é acusado, a expectativa é que o médium seja lotado em uma cela individual.

A defesa de João de Deus afirmou no sábado, 15, que planeja apresentar um pedido de habeas corpus para suspender a prisão preventiva.

Segundo Toron, não há contemporaneidade entre as denúncias contra o médium e sua necessidade de prisão. “Os fatos são antigos e não aconteceu nada de novo que justificasse a prisão”, declarou.

Desde a revelação do caso, quando as primeiras acusações foram reveladas pelo Jornal Nacional e pelo Conversa com Bial, ambos da TV Globo, a promotoria de Abadiânia, em Goiás, recebeu 335 denúncias de abuso sexual contra João de Deus.

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte