Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Prefeito de Guarantã do Norte garante pagamento do RGA aos servidores
Servidores da Educação terão reposição de 4.17% e proposta é parcelar o RGA de 2015 em duas parcelas
14:43   09 de Maio, 2019
482452fc413a900146e7a81d92bf8493.jpg

José Vieira do Nascimento
Editor Mato Grosso do Norte

O prefeito de Guarantã do Norte, Érico Stevan (PRB), em reunião com representantes do Sindicato dos Públicos Municipais e Sintep, garantiu o pagamento do RGA - Revisão Geral Anual- para os servidores do município neste mês de maio.
“É bom sair de uma reunião desta com o objetivo alcançado e com o reconhecimento da administração aos direitos dos servidores públicos do município. Sabemos da situação vivida hoje no Estado e no País e a gente chegar antes da data de pagamento e conseguir fechar esta pauta, importante para a categoria, é importante e garante a reposição das perdas aos servidores. E sem nenhum conflito, sem ameaça de paralisação. E importante para a administração e para o servidor. Agradecemos a gestão por cumprir com seu compromisso e valorizar cada servidor”, disse Jean Amorim, presidente do Sindicato dos Servidores do Município.
A direção do Sintep também dialogou com o prefeito Érico sobre o pagamento do RGA de 2015 que não foi pago pela gestão anterior. Elza A. F. Nascimento, presidente da sub sede do Sintep em Guarantã, elogiou o entendimento que foi firmado com o chefe do executivo municipal.

“Foi acertado para o pagamento de 4.17% e estamos negociando o reajuste de 2015 e as reivindicações que trouxemos da categoria, de alguma forma estão sendo contempladas. O RGA de 2015, de 4.67, é uma cobrança do ano passado, quando sentamos com o prefeito várias vezes. E ele sempre deixou claro que assim que conseguisse iria pagar. E agora fez a proposta de pagar parcelado. Vamos levar para a categoria e vamos trazer a resposta da própria categoria. Mas acredito que será bom para todos e que a categoria irá aceitar”, disse a sindicalista.

O prefeito garantiu o reajuste em maio conforme o piso nacional dos servidores da Educação. Sobre o RGA atrasado, Érico propôs pagar em duas parcelas, sendo a primeira no mês de outubro, de 2%. E 2.67% a ser quitada em 2020. 
“Os servidores é que fazem a máquina funcionar e atender bem a população. E são direitos. Em nosso governo, o compromisso assumido em campanha de pagar o RGA que é direito do nosso servidor, está sendo feito todos os anos. A nossa conversa com os sindicatos e de valorizar o servidor e fortalecer a economia local”, assegurou o prefeito. 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte