Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Mais
13:35   17 de Maio, 2019

CRIME COMPENSA
O governador Mauro Mendes (DEM) e a senadora Selma Arruda (PSL) criticaram a liberdade do ex-governador Silval Barbosa, que vai para o regime semiaberto. Para Mendes, Silval ter conseguido progressão de regime, é uma prova que no Brasil o crime compensa. “Como governador, não vou entrar nesse mérito. Como cidadão, eu gostaria que todos que praticam crimes contra a administração pública tenham penas muito mais duras”, disse.

 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte