Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Ciclista José Messias chega em Alta Floresta após 53 dias de pedal
Nesta viagem foram mais de 5 mil quilômetros pedalados pelo ciclista alta florestense
13:08   05 de Agosto, 2019
782e183fd31f59fa036a4e81226a9922.jpg

José Vieira do Nascimento
 Editor Mato Grosso do Norte

Depois de pedalar 53 dias pelas rodovias brasileiras e percorrer mais de 5 mil quilômetros, pelos Estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, o ciclista José Messias, de 64 anos, chegou neste sábado em Alta Floresta, após completar com êxito sua quarta aventura de bicicleta, viajando pelo país. 
A primeira viagem de Messias foi em 2007, quando ele foi de Alta Floresta à Praia de Matinhos. A segunda viagem, em 2009 ele estendeu o percurso até em Curitiba, passando por Navegantes. Terceira viagem ele saiu de Salvador (BA) e passou por oito Estado e chegou à Curitiba (PR) e de lá retornou para Alta Floresta.
Ele explica que os 53 dias são de pedal nas estradas. No geral, a viagem, que começou no dia 20 de maio em Cascavel, demorou dois meses e meio. A viagem foi interrompida no rio Grande do Sul por seis dias por causa do mal tempo e as outras interrupções foram paradas em algumas cidades, para visitar familiares e amigos.  

É um equívoco de quem pensa que é moleza encarar uma aventura assim. As dificuldades a serem superadas ao longo do trajeto, são muitas. É preciso coragem e muita disposição. Com um orçamento apertado, Messias conta que dorme em barracas nos pátios dos postos de combustíveis, nas margens das estradas, enfrenta os perigos inerentes as rodovias movimentadas com o intenso tráfego de veículos, chuvas, frio e o medo de ser atacado por marginais. 

A média de quilometragem percorrida por dia é de pouco mais de 100 quilômetros. E é preciso cuidar da alimentação e da hidratação do corpo, porque o esforço despreendido é enorme.  
Mas apesar das dificuldades, Messias conta que a viagem foi muito boa, sem maiores transtornos. “Foi uma viagem perfeita, correu tudo bem. A quilometragem foi menor do que minha viagem anterior, porque tive que fazer mudanças no trajeto, devido a segurança. Algumas rodovias no Sul do país, não tinham acostamentos e tivemos que fazer o retorno antes do ponto que estava previsto. Ontem às 10 horas chegamos na praça do avião, e estamos bem, com a saúde em perfeito estado e prontos para outras aventuras”, narra messias.
Os últimos dois dias da viagem, começou no restaurante Castanhal na manhã de sexta-feira. Os aventureiros pedalaram até na cidade de Nova Canaã do Norte, onde chegaram às 15 horas. Após a janta e um descanso de algumas horas, retomaram a viagem à noite e chagaram em Carlinda na madrugada de sábado.
Mais um descanso até que o dia amanhecesse e pegaram novamente a estrada, chegando em Alta Floresta às 10 horas da manhã. 
Nesta viagem, Messias esteve acompanhado do ciclista, da cidade de Icaraíma (PR), Luiz Pereira de Oliveira, de 27 anos, que esteve com ele em tudo o trajeto. 

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte