Jornal MT Norte
Publicidade
         
                
Requerimento pede retirada de radar portátil das ruas
Vereadores querem que prefeito mande encerrar fiscalização nas ruas da cidade com radar portátil
13:04   21 de Agosto, 2019
23d46915d6b93f1db657619fccbca279.jpg

Reportagem
Mato Grosso do Norte

A Câmara Municipal de Alta Floresta aprovou na sessão desta terça-feira, 20, um Requerimento, com a assinatura de 10 vereadores, direcionado ao prefeito municipal Asiel Bezerra, para que ele cancele de forma imediata, o uso do radar portátil no sistema de trânsito da cidade.
Apenas os vereadores Emerson Machado, presidente da Câmara [que está viajando], Mequiel Zacarias e Elói Crestani, que está afastado da Câmara para tratamento de saúde, não assinaram o documento.
Os parlamentares requereram no documento, que o prefeito encaminhe oficio ao Departamento de Trânsito, para cessar o uso do radar e cancelar o contrato formalizado com a empresa LT Comercial Ltda. no valor de R$ 88.020,00, referente a locação do mesmo. 

Como a votação é simbólica, cabe ao prefeito municipal a decisão de cancelar o não o serviço. Porém, o presidente da Câmara Municipal, Emerson Machado (MDB), que vinha cobrando ao prefeito a retirada do radar da fiscalização de velocidade no trânsito da cidade, afirmou que Asiel Bezerra, desde o final da semana passada, lhe confirmou que o radar portátil será retirado. 

Segundo ele, o diretor de trânsito, Messias Araújo, também já confirmou que seu pedido iria ser atendido. Oficialmente, o prefeito Asiel Bezerra ainda não se pronunciou sobre a questão.

 
COMENTÁRIOS
© Copyright 2014 Jornal Mato Grosso do Norte